ColunasDestaques

Projeto Samuzinho é implantado durante a VI Agroloreto

Uma das atrações da VI Agroloreto foi a implantação do Projeto Samuzinho. Loreto tornou-se a segunda cidade do Maranhão a ter o “Samuzinho”. Uma equipe do SAMU de Imperatriz, cidade onde já funciona o projeto foi a responsável pelo treinamento das crianças selecionados em escolas públicas e teve duração de três dias. Também participaram da ação uma equipe do SAMU de São Raimundo das Mangabeiras.

O primeiro Samuzinho foi criado em Brasília em 2007, com objetivo de diminuir o problema do trote, trazendo as crianças para o SAMU e tem objetivo de conscientizar as crianças e os pais sobre a importância da atuação correta em situações de urgência e emergência. Refletir sobre a importância da vida, cidadania, meio ambiente e os movimentos de solidariedade. Ensinar como comunicar adequadamente a solicitação de ajuda do serviço 192 e Reforçar a importância da escola para a criança.

Elayne Cristina Soares Silva, instrutora do projeto Samuzinho, ressaltou que partir da criação do projeto em Brasília houve uma diminuição significativa no número de trotes. “Trouxemos para Imperatriz/MA, onde iniciou com s filhos de funcionários atendendo crianças de 7 a 14 anos. A Escola Técnica do SUS em parceria com o Sindicato de Produtores Rurais de Loreto nos convidaram para implantarmos uma turma do Samuzinho em Loreto que é a segunda cidade do Maranhão a ter o projeto”.

As crianças aprendem os procedimentos corretos de primeiro socorro a serem realizados em caso de desmaio, engasgo, crise convulsiva, parada cardiorrespiratória, AVC, ataque por animais peçonhentos (cobras, escorpiões), queimadura, afogamento, acidentes, etc. Além disso, aprendem sobre o uso apropriado do telefone 192, porque e quando chamar o SAMU, prevenção de acidentes e os perigos dos trotes ao SAMU.

“Nossos pequenos heróis SAMUZINHOS receberam seus certificados e participaram de mais uma oficina de atualização, realizada pela Escola Técnica do SUS em parceria com a equipe do SAMU de Imperatriz. Uma simulação realística de prestação de socorro em acidente automobilístico. Nossas crianças estão orgulhosas do conhecimento que adquiriram e do auxílio que poderão prestar em situações de perigo e acidentes. Não poderíamos estar mais felizes! Certamente muitos deles serão profissionais da saúde, conscientes do bem que podem fazer ao próximo”, disse Alessandro Costa, presidente do Sindicato de Produtores Rurais de Loreto, instituição organizadora da exposição Agroloreto.

A VI Agroloreto foi realizada nos dia 07 e 08 de junho.

O Maranhão se informa aqui

Moradores do Gerais de Balsas se mobilizam por ações do poder público

Sebrae apresenta Programa Inovagem e produção com sustentabilidade na Agroloreto 

Projeto samuzinho

Loreto que é a segunda cidade do Maranhão a ter o projeto Samuzinho implantado. #OMaranhaoSeInformaAqui

Deixe seu comentário
Tags
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close