Destaques

Empresas do trade de Carolina/Riachão participam do 60º CONOTEL

Vinte e oito donos de hotéis e restaurantes,gerentes de empreendimentos de hospitalidade e representantes de entidades do trade dos municípios de Carolina e Riachão participaram do 60º Congresso Nacional de Hotéis (Conotel) e 1ª Equipotel Regional, promovidos pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), de 16 a 18 de maio, no Centro de Eventos do Ceará, localizado na capital Fortaleza. A comitiva local integrou a missão técnica coordenada pelo Sebrae no Maranhão e que reuniu, ainda, empresários do polo Lençóis-Munim e São Luís, totalizando 138 pessoas.

O Maranhão levou ao evento a maior comitiva de empresários e gestores de hotéis e restaurantes, participando intensamente de palestras e mesas redondas, além da feira de equipamentos do setor (Equipotel) para conhecer fornecedores com intenção de fechar negócios futuros.

Dentre os assuntos discutidos, os participantes ficaram atualizados sobre inteligência competitiva voltada ao setor hoteleiro, segurança em hotéis e integridade dos hóspedes, hotelaria inclusiva e Lei da Acessibilidade, diversidade e mercados específicos para a hotelaria, fundos de financiamento, reforma trabalhista e conjunta econômica atual.

“Os dois eventos acabam se complementando, pois em um existe o compartilhar de conhecimentos e, no outro, as oportunidades de bons negócios”, salientou Edilson Baldez das Neves, presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Maranhão (CDE) e da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema). Tendo entre seus negócios meios de hospedagens, Baldez participou ativamente da programação do 60º Conotel, ressaltando que a ABIH traz à cena a cada dois anos as principais preocupações e inovações do setor para a mesa de discussões.

“E isso só fortalece e contribui para a melhoria contínua da hotelaria no Brasil. Como entidade que representa o setor, a ABIH mantém a sua prerrogativa de encabeçar essas discussões, fazendo os empresários e gestores de meios de hospedagens refletirem sobre os seus respectivos negócios e como se preparara para ofertar uma experiência cada vez
melhor aos seus hóspedes”
, completa o presidente do CDE o Sebrae e da Fiema.

A MISSÃO
A missão técnica organizada pelo Sebrae, por meio de sua Unidade de Turismo, Cultura e Eventos, contou com o apoio operacional das regionais da instituição em Balsas, Lençóis-Munim e São Luís, além da parceria com a ABIH-MA. Além dos 28 empresários da Chapada das Mesas, participaram 38 empresários do polo Lençóis-Munim e 45 de São Luís, bem como inúmeros representantes de entidades do trade estadual.

“O Conselho Deliberativo e a Diretoria Executiva do Sebrae no Maranhão apoiaram esta missão técnica e acreditamos que a mesma trará reflexos positivos para o trade turístico dos três polos indutores que participaram, melhorando os equipamentos do segmento de hospitalidade, onde incluímos, também, os restaurantes”, acredita Edilson Baldez das Neves.

A declaração do presidente do CDE do Sebrae e da Fiema é endossada pelos participantes da missão. O casal Izabel e Vilmar Lieber, empresários do setor de hotelaria, agência de turismo e restaurante, ressalta que os dois eventos foram importantes para seus empreendimentos
e para os demais empreendedores da Chapada das Mesas, pois tiveram acesso à tecnologia e produtos de ponta, assim como a chance única de se envolverem mais com o trade turístico nacional, atualizando-se nas tendências do setor e políticas públicas para o Turismo e Hotelaria.

“No nosso caso específico, fizemos negócios na aquisição de enxoval para a pousada e contatos com os fabricantes de amenidades e equipamentos e aproveitamos para fazer networking, haja visto a troca de ideias e informações que tivemos acesso. O companheirismo com os demais participantes do Conotel/Equipotel também nos possibilitou outras vivências e a oportunidade de nos tornar conhecidos entre os demais destinos”, apontou o empresário Vilmar Lieber.

“Além de todos os benefícios citados, destacamos, ainda, o fortalecimento do nosso trade local, através de uma convivência única durante todo o período da missão. Por passarmos muitas horas juntos, acabamos por fortalecer os relacionamentos e gerar novas ideias e até
projetos conjuntos, o que é um ponto muito positivo, pois essa força permanece no dia a dia dos participantes após o nosso retorno”, 
apontou a empresária Izabel Lieber.

VISITAS A MEIOS DE HOSPEDAGENS
Além da programação do Conotel, um grupo de empresários da comitiva maranhense, participou de duas visitas técnicas a hotéis de Fortaleza com objetivo de fazer_ benchmark_ para a implantação do Selo de Qualidade em Serviços. “Essa é uma proposta que o Sebrae no Maranhão está amadurecendo e quer implantar no segundo semestre deste ano, a partir do polo turístico de São Luís para depois ser aplicada nos municípios do polo Chapada das mesas e Lençóis-Munim”, informa o gerente da Unidade de Turismo, Cultura e Eventos, Luiz Walter Muniz.

A certificação, idealizada pelo Sebrae do Ceará, tem o objetivo de estimular a implantação de melhorias nos produtos e serviços ofertados nas empresas do ramo de hospedagem, alimentação e eventos, orientando e capacitando os empreendedores e colaboradores em gestão e tecnologia, com a finalidade de valorizar as empresas do segmento turístico que possuem produtos e/ou serviços de qualidade.

“Proporcionamos ao grupo observar de perto o quanto essa certificação traz resultados positivos na gestão dos estabelecimentos e, principalmente, na satisfação dos clientes, gerando maior relacionamento e fidelização”, completou Muniz

(Local do evento em Fortaleza – CE)

60º CONOTEL

Deixe seu comentário
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close